Resenha: Tensão – Gail McHugh – Editora Arqueiro

Tensão capa

Hey, persons!
Estou aqui mais um vez pra fazer minha resenha sobre mais um livro. Este chama-se Tensão, escrito por Gail McHugh, publicado pela Editora Arqueiro.

Emily Cooper é uma mulher que está passando por uma fase bem complicada: A perda da mãe e a mudança de Colorado para Nova York. Realmente a cabeça da garota era um turbilhão e até aí o namorado, até então acolhedor e carinhoso, Dillon era seu porto seguro e motivo para seguir em frente.
Em, como a chamam, foi morar com sua amiga Olivia e enquanto não conseguia emprego em sua área, começou a trabalhar em um restaurante italiano. Em um belo dia, o entregador do local pede demissão e Emily já estava indo para casa. O dono do restaurante, por saber que o local do pedido ficava em seu caminho, lhe pediu para que fizesse a entrega. Chegando ao prédio e perguntando a o porteiro pelo andar que deveria ir, aparece aquele que lhe aperta as entranhas. Atenha-se a descrição do ser humano:

“Os olhos percorreram os cabelos muito negros, bem curtos e penteados em discreto
desalinho. Os traços, tão bem esculpidos, eram de tirar o fôlego; a boca parecia ter sido
entalhada com grande esmero por um escultor de enorme talento. Os olhos varreram
depressa o corpo que parecia ser musculoso escondido sob o terno cinza de três peças… Ela podia esquecer os olhos azuis penetrantes ou o charme que emanava de cada poro; bastava o sorriso cheio de covinhas para convencer Emily, instantaneamente, de que era só ele mandar e inúmeras mulheres tiravam a roupa. Todos os dias.”

Vamos combinar que suas entranhas também se agitariam, não é? As minhas sim!
Ok, ok. Foco!

Este sedutor chama-se Gavin Blake e se encantou a primeira vista por Em. E por tantas coincidências da vida (pelo menos literária) é um dos melhores amigos de Dillon, namorado de Em. Pra você ver como o mundinho literário também é pequeno! Mas a atração entre eles já era bem forte para que se pensasse nas consequências.

Gavin é o tipo de cara que me confunde… Me confunde de uma maneira bem interessante. E Em me estressa pela total dependência que criou no namorado. Não vou falar muito sobre isso porque sei que muitos não gostam de spoiler, mas se lerem acho que vão concordar comigo e minha vontade de sacudir a cabeça da Emily, porque tem horas que ela é extremamente irritante! Mas também há momentos que eu a adoro, devo confessar. Como esse diálogo com Gavin:

“– Alguma vez alguém já lhe disse que você é muito shmexy?
– Shmexy? – Ele riu. Não esperava aquela pergunta. – Você não quer dizer sexy?
– Não, tem shmexy e tem sexy. E você, meu amigo, é shmexy.
Ele ergueu uma das sobrancelhas, aquela voz rouca de operadora de telessexo o deixou imediatamente excitado.
– Hum e qual dos dois é melhor?
– Shmexy.”

Quero abrir um parênteses e dizer que tenho dedos ótimos para escolher livros nos quais os personagens tem o seu próprio dialeto… E quero dizer que eu A-MO isso!

“Escolha seu veneno, homem shmexy de olhos de alcova.”

Definitivamente Amo Emily bêbada. Mas a história no final me irritou um pouco.

*SE NÃO GOSTAR DE SPOILER, PARE DE LER AQUI!*

Qual é! Depois de demorar tanto pra se entregar ao Gavin e se livrar do idiota do noivo Em, volta com ele
mesmo sabendo da traição e de ele levantar a mão pra ela. Se fosse eu ficaria chateada sim por ter pego a ex de Gavin
na casa dele quase nua e com cara de pós-coito, mas jamais voltaria ao cara que quis me bater. Amor próprio acima
de tudo, querida! Fora o que o novo faz com ela uma noite antes do casamento… Ridículo!
Essa finzinho me irritou demais, porém lerei assim que possível a continuação, “Pulsação”, para ver no que
vai dar.

Algumas frases que gostei no livro:

“O destino e os caminhos se apresentam para a gente. É como se
tudo fosse um quebra-cabeça enorme que, no final das contas, acaba se encaixando.”

“…dois erros nunca resultavam num acerto.”

“Uma cobra é uma cobra, não importa o número de vezes que troque de pele!”

“– Às vezes, escolhas infelizes nos levam às pessoas certas”

“Ele era tudo o que ela queria e, ao que parecia, ela não era nada do que ele precisava.”

O livro custa entre R$ 16 e R$ 30,00. Uma boa dica é sempre pesquisar nos sites para ver se está em promoção.

Beijos, Feliz Natal e um 2016 maravilhoso para todos!

;*

Anúncios
Categorias: Livros | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Clube do E-book

Obrigado pela Preferência. Nada de conversinhas ou besteiras, somente e-books.

Ler ebooks

A leitura em ecrã

Cadernos de Dança

Estudos e dicas sobre dança do ventre

Blog Mulherão

O manual de sobrevivência para mulheres acima do peso

Pigmento F

Beleza, Moda, Decor e muito mais!

Garota Blue Jeans

Beleza & Cia

Sapatilha de cristal

O mundo feminino em um clique.

Dave's blog

unique content from around the web

Vidicula

Coletânea das maiores bobagens da internet

Não se Atreva

Não se Atreva. Blog criado em 2011 com intuito de bater um papo com o leitor sobre diversos assuntos, tais como moda, beleza, viagem e lifestyle.

Palavras de Marceli

Palavras de Marceli

Favoritos

Os sites e links mais legais da web.

Blog do Paulinho

- Jornalismo com Credibilidade -

Céu de Jornal

Publicar um texto é um jeito educado de dizer "me empresta seu peito porque a dor não tá cabendo só no meu''.

AllucinaçãO

allucinacao@WordPress.com

The BR Espectador

O Espectador Brasileiro.

%d blogueiros gostam disto: